MGLU3 
R$10,67  3,70%  
PETR4 
R$36,50  1,59%  
VALE3 
R$61,40  0,90%  
BBAS3 
R$26,39  0,46%  
ITUB4 
R$31,91  0,68%  
BBDC4 
R$12,41  0,24%  
ABEV3 
R$11,28  0,71%  
USIM5 
R$7,61  3,68%  
TAEE11 
R$33,49  0,39%  
WEGE3 
R$40,78  2,44%  

Educação Financeira em 7 passos simples! Não perca tempo!

Educação Financeira em 7 passos simples! Não perca tempo!
Aprenda a gerenciar suas finanças e investir de forma inteligente com esses 7 passos simples de educação financeira. Defina metas, faça um orçamento, controle dívidas, crie uma reserva de emergência e desenvolva habilidades para alcançar a liberdade financeira.

Antes de pensar em investir, é essencial ter uma base financeira sólida que pode ser adquirida apenas através de uma boa educação financeira. Porém, no início, pode ser difícil entender o que é necessário para gerir o seu dinheiro de forma eficiente e buscar a tão sonhada liberdade financeira. Mas fique tranquilo, estamos aqui para lhe mostrar como ter uma boa Educação Financeira em 7 passos simples!

Passo 1: Defina seus objetivos financeiros

O primeiro passo para uma educação financeira eficaz é a definição de seus objetivos financeiros. Isso ocorre pois você não conseguirá gerir melhor seu dinheiro se não tiver uma meta clara sobre o que pretende fazer com ele.

Separe suas metas em curto (compra de um carro, capital investido até o final do ano), médio (compra de uma casa, capital investido em 5 anos) e longo prazo (liberdade financeira, capital desejado para sua aposentadoria). Deste modo, você conseguirá visualizar o motivo de estar organizando sua vida financeira, materializando os seus objetivos.

Além disso, anote suas metas em um caderno ou em uma planilha e seja específico sobre o que você deseja alcançar em cada período.

Passo 2: Faça um orçamento (mantenha-o simples)

Um orçamento é uma ferramenta poderosa e essencial que permite que você acompanhe suas receitas e despesas. Portanto, comece anotando todas as suas fontes de renda (salário principal e rendas extras) e coloque o dia do mês que normalmente você recebe aquele valor. Essa dica é interessante para que você entenda o quanto de dinheiro terá em cada período do mês, tornando mais fácil a sua gestão.

Depois disso, liste todas as suas despesas mensais dividindo-as em categorias. Utilize ao menos duas categorias, sendo elas: Gastos Essenciais (contas da casa, do carro, mercado, estudo, combustível, etc.) e Gastos com Lazer (viagens, restaurantes, compras e tudo que não entra nos gastos essenciais). Além disso, caso deseje, é possível dividir essas duas categorias principais em subcategorias (não crie muitas categorias, isso tornará sua gestão mais complexa).

Como resultado você terá em mãos a base da educação financeira, que é saber o quanto recebe por mês e o quanto normalmente gasta.

Passo 3: Controle suas dívidas

Com o orçamento criado, será possível identificar áreas onde você pode economizar e fazer ajustes conforme necessário. Deste modo, as suas dívidas excessivas são obstáculos que devem ser removidos para que você alcance seus objetivos financeiros.

Sendo assim, liste todas as suas dívidas, incluindo empréstimos estudantis, cartões de crédito e financiamentos e priorize o pagamento das dívidas com as maiores taxas de juros primeiro, enquanto continua pagando o mínimo das outras dívidas.

Por fim, quando tiver eliminado as dívidas excessivas, estará preparado para começar a investir e aumentar seu patrimônio.

Passo 4: Construa uma reserva de emergência

Agora é o momento de criar sua reserva de emergência! Desse modo, você terá capital em caso de imprevistos, evitando que volte a ficar endividado ou que precise retirar fundos de seus investimentos.

É recomendável que você tente economizar o valor respectivo de 3 a 6 meses de suas despesas essenciais em uma aplicação de baixo risco e com liquidez diária (como uma conta poupança ou o tesouro Selic). Então, comece a investir mensalmente até chegar no valor desejado para sua reserva de emergência.

Passo 5: Comece a investir

Esse é o momento para você estudar sobre o mercado financeiro e seus diversos tipos de investimento, como ações, FIIs, Tesouro Direto, LCA, LCI, CDB, etc.

Além disso, comece com investimentos mais conservadores e entenda como diversificar sua carteira para minimizar os riscos. Deste modo, com o tempo você terá conhecimento suficiente para investir com tranquilidade em ativos de maior risco.

Lembre-se de que o investimento é um processo a longo prazo e que a paciência e o conhecimento são seus melhores companheiros nessa jornada.

Passo 6: Crie o hábito de investir mensalmente

Um dos passos mais importantes na educação financeira é criar o hábito de investir regularmente. Poupar dinheiro é um bom começo, mas para fazer com que seu dinheiro trabalhe para você e cresça ao longo do tempo, é crucial investir de forma recorrente.

Portanto, com base em seu orçamento, estabeleça uma quantia mensal para investir e mantenha-se comprometido com esse hábito. A partir desse momento, o investimento mensal se torna uma obrigação e não pode ser colocado de lado.

Por último, invista seu dinheiro de forma diversificada, criando uma carteira sólida e bem estruturada.

Passo 7: Mantenha-se atualizado

Eduque-se continuamente sobre finanças pessoais e investimentos. Além disso, leia livros, participe de cursos online, assista a vídeos educativos e continue nos acompanhando para ter acesso a conteúdos relacionados ao assunto.

Ao passo que você ganha conhecimento, terá mais confiança para tomar suas decisões financeiras.

Desenvolva suas habilidades de Educação Financeira

Além de buscar orientação profissional, é essencial desenvolver habilidades de educação financeira. Bem como, aprender a criar um plano de gastos, controlar impulsos de compra, negociar preços e comparar ofertas. Por fim, juntando com o aprendizado sobre como priorizar suas despesas, evitar dívidas desnecessárias e investir de forma correta você estará no caminho correto para obter sua liberdade financeira.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
Picture of Felipe Mourão

Felipe Mourão

Felipe Mourão é engenheiro graduado pela USF, apaixonado pelo mercado financeiro e conhecimento. Atualmente, assina textos no A Sua Renda.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Você pode Gostar

Você precisa saber!

Cotações - Ações

CMIG4
0,49%
R$10,25
CSMG3
0,86%
R$19,89
CPFE3
0,22%
R$32,51
EGIE3
0,09%
R$43,96
EQTL3
0,52%
R$28,80
SAPR4
0,00%
R$5,34
TAEE3
0,54%
R$11,09
FLRY3
0,14%
R$14,16
RADL3
0,08%
R$24,79
PETR3
2,02%
R$38,40
PETR4
1,59%
R$36,50
GGBR4
0,99%
R$17,40
RANI3
2,19%
R$8,40
KLBN4
0,49%
R$4,11
SUZB3
1,19%
R$48,15
VALE3
0,90%
R$61,40
ITUB4
0,68%
R$31,91
ITSA4
0,10%
R$9,80
ABEV3
0,71%
R$11,28
BRFS3
1,45%
R$20,31
JBSS3
0,41%
R$29,53
EMBR3
2,31%
R$36,35
GOLL4
0,97%
R$1,02
AZUL4
4,09%
R$7,73

Categorias

plugins premium WordPress