MGLU3 
R$10,67  3,70%  
PETR4 
R$36,50  1,59%  
VALE3 
R$61,40  0,90%  
BBAS3 
R$26,39  0,46%  
ITUB4 
R$31,91  0,68%  
BBDC4 
R$12,41  0,24%  
ABEV3 
R$11,28  0,71%  
USIM5 
R$7,61  3,68%  
TAEE11 
R$33,49  0,39%  
WEGE3 
R$40,78  2,44%  

Comparativo Tesouro Direto! Qual é o melhor para seu bolso?

Comparativo Tesouro Direto! Qual é o melhor para seu bolso
Descubra qual título do Tesouro Direto se encaixa perfeitamente em seus objetivos financeiros! Confira o comparativo do Tesouro Direto e esteja pronto para tomar sua decisão!

O Tesouro Direto vem se tornando cada vez mais popular entre todos os tipos de investidores que aplicam na renda fixa. Contudo, dentre uma diversidade de ativos disponíveis, como saber qual título do Tesouro Direto escolher? Para responder essa pergunta, críamos esse comparativo do Tesouro Direto para auxiliar você nessa tomada de decisões.

Aqui você encontrará a comparação de rentabilidade dos títulos nacionais e entenderá as características de cada um. Dessa maneira, você saíra pronto para iniciar sua jornada no mundo dos investimentos.

Comparativo Tesouro Direto: Qual é o melhor título disponível?

O melhor título do Tesouro Direto disponível para investimento irá variar de acordo com seu objetivo financeiro. Desse modo, caso você deseje possuir uma aplicação com liquidez diária, o Tesouro Selic será a melhor opção.

Por outro lado, caso você busque um investimento que protege seu dinheiro da inflação, o Tesouro IPCA+ poderá ser uma ótima escolha. Dessa maneira, você terá a certeza de que o valor investido superará a inflação do período, devido a esse tipo de título possuir parte de seu rendimento fixo e parte atrelado ao IPCA.

Por fim, caso você seja conservador e deseje ter certeza de quando seu dinheiro irá render, o Tesouro Pré-Fixado pode ser uma ótima saída. Esse tipo de investimento, como o nome já diz, possui uma taxa fixa de juros, que não será alterada até o vencimento do título.

Contudo, caso você deseje escolher o título do Tesouro Direto que mais rende, recomendamos que confira nosso artigo abaixo. Desse modo, você facilitará seu processo de análise, tendo acesso a qual é o título mais rentável de cata categoria.

– > Quanto Rende o Tesouro Direto? Confira quanto 100 mil rende!

Qual Tesouro Direto rende mais de 1% ao mês?

Atualmente, os títulos do Tesouro Direto que rendem mais de 1% ao mês são o Tesouro Selic 2026 (LFT) e o Tesouro Selic 2029 (LFT). Desse modo, com parte de sua rentabilidade atrelada a taxa Selic, ambos os títulos entregam mais de 1% ao mês.

Contudo, devido a esses ativos serem títulos pós-fixados, é possível que a rentabilidade venha a cair no caso de oscilação da taxa Selic.

O que é melhor, Tesouro Pré-Fixado (LTN) ou Selic (LFT)?

Ao analisarmos a rentabilidade média anual do Tesouro Selic (12,84%) e o do Tesouro Pré-Fixado (11,59%), identificamos que o Tesouro Selic apresenta um melhor retorno sobre o investimento.

Porém, esse cenário pode mudar caso a taxa Selic venha a cair. Ou seja, caso você invista no Tesouro Selic e a taxa Selic caia, o rendimento de sua aplicação será menor do que o previsto.

Por outro lado, caso tenha investido em um título Pré-Fixado, você saberá exatamente quanto seu dinheiro irá render, independentemente de oscilações de mercado.

Outro ponto a ser analisado é que o Tesouro Selic possui liquidez diária. Desse modo, você poderá resgatar seu dinheiro quando desejar, evitando a necessidade de aguardar a data de vencimento do título.

Cada tipo de título do Tesouro possui pontos positivos e negativos, bastando a você analisar qual é a melhor opção para seu caso. Dessa maneira, caso você queira criar sua reserva de emergência ou acredite que a Taxa Selic irá subir, o Tesouro Selic pode ser uma boa escolha.

Contudo, caso deseje garantir a rentabilidade de seu capital, o Tesouro Pré-Fixado pode ser a melhor opção.

O que é melhor, Tesouro Pré-Fixado (LTN) ou IPCA+ (NTN-B)?

Agora, ao compararmos a rentabilidade média anual do Tesouro Pré-Fixado (11,59%) com o Tesouro IPCA+ (11,08%), identificamos que o Tesouro Pré-Fixado apresenta melhores taxas. Desse modo, caso você busque garantir o retorno sobre seu capital aplicando em um ativo seguro e rentável, o Tesouro Direto pode ser a escolha certa.

Contudo, caso você busque defender seu patrimônio da inflação garantindo um rendimento real, o Tesouro IPCA+ oferece a você essa possibilidade. Dessa maneira, como parte da rentabilidade desse ativo é indexada ao IPCA, você tem a certeza de que seu dinheiro se valorizará ao longo dos anos.

Por fim, assim como na comparação anterior, cada ativo possui uma característica única que será boa em uma determinada situação. Desse modo, a diversificação sempre será a melhor alternativa para obter o melhor de cada tipo de investimento.

O que é melhor, Tesouro IPCA+ (NTN-B) ou Selic (LFT)?

Comparando a rentabilidade média anual do Tesouro IPCA+ (11,08%) com o Selic (12,84%), identificamos que o Tesouro Selic possui rendimento maior do que o IPCA+. Isso ocorre pois atualmente a taxa Selic está em alta, elevando o rendimento do Tesouro Selic.

Por outro lado, a inflação deste ano está consideravelmente controlada, diminuindo o valor do indexador IPCA. Desse modo, a rentabilidade dos títulos do Tesouro IPCA+ acaba sendo afetada. Contudo, esse cenário pode mudar ao longo dos anos, caso esses dois índices venham a se inverter.

Além do rendimento médio, o Tesouro IPCA+ oferece a você a oportunidade de proteger seu patrimônio da inflação, no caso de uma alta inesperada. Além disso, devido a ser um título do Tesouro Direto, esse tipo de ativo é seguro e indicado a todos os tipos de investidores.

Já no caso do Tesouro Selic, você pode usufruir de sua liquidez diária para criar sua reserva de emergência. Desse modo, você poderá acessar seu dinheiro quando desejar.

O que é melhor, Tesouro IPCA+ (NTN-B) ou Renda+ (NTN-B1)?

Ao analisamos o rendimento médio anual do Tesouro IPCA+ (11,08%) com o Tesouro Renda+ (11,22%), identificamos que o Tesouro Renda+ possui uma rentabilidade maior. Contudo, o funcionamento desses títulos é bem diferente, sendo necessário avaliar os detalhes com cautela antes de realizar sua aplicação.

O Tesouro Renda+ (NTN-B1) se refere a um título pós-fixado que possui sua rentabilidade ligada a dois fatores: o IPCA + um percentual fixo. Porém, a diferença entre esse título e o Tesouro IPCA+ (NTN-B) está na forma de pagamento dos rendimentos.

O pagamento dos rendimentos + o valor investido, no Tesouro Renda+, ocorre em 240 parcelas mensais que se iniciam na “data de conversão”. Ou seja, caso você invista no Tesouro Renda+ 2030, receberá o valor investido + rendimentos em 240 parcelas a partir de 2030.

Por outro lado, você receberá todo o valor investido + os rendimentos gerados na data de vencimento de seu título do Tesouro IPCA+. Dessa maneira, você não receberá o seu rendimento de forma fracionada.

Portanto, avalie qual desses dois títulos indexados ao IPCA+ é o mais interessante para que você atinja seus objetivos financeiros.

Qual tesouro direto rende mais que o CDI?

Atualmente, nenhum título do Tesouro Direto possui rentabilidade superior ao CDI, sendo necessário investir em títulos de Renda Fixa para obter esse nível de rendimento. Desse modo, caso você deseje saber quais são os ativos de renda fixa mais rentáveis, confira os links abaixo:

– Qual a LF que mais rende em 2023? Aumente sua rentabilidade!

– Qual o CRA e CRI que mais rende em 2023? Maximize o retorno!

– Qual o LCA e LCI que mais rende em 2023? Não fique de fora!

– Qual o CDB que mais rende em 2023? [TOP 15 CDBs]

Conclusão

Com esse comparativo em mãos, você tem a ferramenta ideal para analisar qual título do Tesouro Direto melhor atende seus objetivos. Desse modo, não será pego de surpresa ao investir em uma aplicação sem antes identificar o que ela pode lhe proporcionar.

Contudo, lembre-se que esse artigo não é uma indicação de investimentos, sendo criado apenas para o auxiliar em sua jornada.

Por fim, não deixe de conferir nossos outros artigos referentes a ativos de renda fixa, para entender quanto rende cada tipo de investimento.

Com base nesse comparativo do Tesouro Direto, qual título melhor atende seus objetivos?

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
Picture of Felipe Mourão

Felipe Mourão

Felipe Mourão é engenheiro graduado pela USF, apaixonado pelo mercado financeiro e conhecimento. Atualmente, assina textos no A Sua Renda.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Você pode Gostar

Você precisa saber!

Cotações - Ações

CMIG4
0,49%
R$10,25
CSMG3
0,86%
R$19,89
CPFE3
0,22%
R$32,51
EGIE3
0,09%
R$43,96
EQTL3
0,52%
R$28,80
SAPR4
0,00%
R$5,34
TAEE3
0,54%
R$11,09
FLRY3
0,14%
R$14,16
RADL3
0,08%
R$24,79
PETR3
2,02%
R$38,40
PETR4
1,59%
R$36,50
GGBR4
0,99%
R$17,40
RANI3
2,19%
R$8,40
KLBN4
0,49%
R$4,11
SUZB3
1,19%
R$48,15
VALE3
0,90%
R$61,40
ITUB4
0,68%
R$31,91
ITSA4
0,10%
R$9,80
ABEV3
0,71%
R$11,28
BRFS3
1,45%
R$20,31
JBSS3
0,41%
R$29,53
EMBR3
2,31%
R$36,35
GOLL4
0,97%
R$1,02
AZUL4
4,09%
R$7,73

Categorias

plugins premium WordPress